Os textos literários são catalogados com base em gêneros, que fornecem uma compreensão mais geral dos textos. Graças a essa classificação, surgem os subgêneros e categorias de literatura que conhecemos hoje. Em especial, os gêneros narrativos literários são um dos mais diversos, dado que outras grandes categorias vêm de seus aspectos que produziram obras muito relevantes. No blog de hoje, nós contamos quais são os tipos e suas características, então continue lendo.

O que são os gêneros narrativos?

Falamos da narrativa quando nos referimos diretamente à narrativa como um fato central. Narrar significa contar ou relatar eventos que constituem uma história. O gênero narrativo é um dos maiores gêneros da literatura, cujos textos podem ser expostos por meio da oralidade ou da escrita. Cada um deles conta fatos ou histórias que podem ou não ser ficção.

É uma categoria de gênero que apresenta diferentes personagens descritos física e emocionalmente nos textos. Além disso, a sua participação no decorrer da história propõe um ponto de vista ou perspetiva das suas emoções, ações e pensamentos.

6 categorias de subgêneros narrativos

Existem seis categorias de subgêneros do gênero narrativo que são: a história, o romance, a lenda, o mito, a história e a fábula. Cada um deles possui certas características que os diferenciam e dão um toque especial. A seguir, apresentamos sua descrição.

Relato

A história é caracterizada por sua curta duração em que representa um evento histórico, real ou ficcional em torno de uma história. Geralmente está associado à história, embora seja possível reconhecê-la por ser mais curta.

Segue a estrutura narrativa de início, meio e fim, porém, em sua narração oral o esquema pode ser modificado para não fazê-lo estritamente.

Mito

Este é um dos gêneros narrativos que surge para explicar para as pessoas vários dos fenômenos misteriosos do universo. Os mitos são um reflexo da visão de mundo de uma figura em que as crenças que o constituem podem ser identificadas. O mito fornece explicações sobre a origem do mundo, a ascensão dos deuses e suas relações com à terra e a humanidade.

Fábula

É um gênero narrativo em que se dá importância a conteúdos ficcionais que proporcionam aprendizagens relacionadas à moralidade. É uma expressão que surge da literatura oral e se caracteriza pela categoria de caracteres que utiliza, já que em muitos casos correspondem a animais com características humanas. A fábula conta histórias que são fruto da imaginação e permite o conhecimento das tradições de um povo. Além disso, tem um aspecto pedagógico, por isso é voltado principalmente para meninos e meninas.

Gêneros narrativos: a lenda

É uma forma de narração que surge principalmente da tradição oral, por meio da qual são contados eventos de seres humanos ou sobrenaturais. Por isso, conta uma história real ou fictícia que inclui uma série de aspectos maravilhosos que se tornam um reflexo do folclore da região de onde provém. Nesse sentido, é definida como uma narrativa popular transmitida oralmente e por escrito.

História

A história é um dos gêneros narrativos mais relevantes e transmitidos que narra um acontecimento capaz de gerar um tipo de emoção no leitor. Pode contar eventos imaginários ou reais, seu enredo é de fácil compreensão para o leitor e inclui poucos personagens. Além disso, possui diferentes formatos de acordo com seu tema e extensão.

Romance

É um texto literário escrito em prosa e pode narrar eventos reais e eventos fictícios. Caracteriza-se por ter um enredo mais difícil do que a história e muito mais extenso. Sua trama está quase sempre relacionada à extensão temporal, onde os eventos que acontecem são sujeitos à medida que se prolongam no tempo da história. O escritor pode focar seu trabalho de acordo com suas intenções.

Elige tu ubicación

Latinoamérica

Europa