+34 91 005 42 79 brasil@esneca.lat
  • Español
  • 0 Item

    Em um blog anterior falamos sobre a classificação dos sentimentos, agora achamos que é importante falar sobre como controlar as emoções. Um bom control deles nos permite identificar, aceitar e regular o que sentimos. É um trabalho difícil que exige autoconhecimento para cuidar da melhor maneira possível a saúde mental. Você quer saber como aprender a lidar com o que sente? Continue lendo, daremos algumas dicas. Ou aprenda profissionalmente nesta área e consulte a nossa oferta formativa em psicologia.

    Como controlar as emoções?

    Este ano marcado pela Covid-19 nos fez passar por muitas mudanças emocionais que não havíamos previsto. E é que enfrentar essa situação extraordinária fez com que cada um desenvolvesse resiliência à sua maneira. Embora possa parecer algo negativo, é uma ótima oportunidade para nos conhecermos melhor.

    Porém, este processo de auto exploração em momentos de fadiga, incerteza ou ansiedade não é nada fácil, e menos ainda se você não tiver as ferramentas adequadas. Portanto, deixamos algumas dicas para que você saiba como administrar suas emoções diante de qualquer adversidade.

    1-. Você antes dos outros

    Manter hábitos saudáveis ​​é muito importante para que suas emoções não transbordem. Assim, dormir bem e por 8 horas, ter uma alimentação adequada, fazer exercícios e passar momentos de lazer é fundamental. Com isso você pode controlar seus sentimentos e emoções, e ficar em estados de tranquilidade e relaxamento por mais tempo. Lembre-se de que não há problema em definir limites e valorizar seus momentos consigo mesmo para sempre.

    2-. Estabeleça uma rotina

    Este ano você provavelmente foi forçado a mudar sua rotina e isso o deixou um pouco fora de controle. É nesses contextos de mudança que o gerenciamento das emoções é essencial. Portanto, mesmo que seus horários e atividades tenham mudado, você pode estabelecer uma nova rotina adaptada às suas necessidades. Claro, recomendamos que você comece a fazer a prioridade e continue com suas atividades menos urgentes.

    3-. Tudo bem se sentir mal

    Muitas vezes, somos obrigados a não viver nossas emoções e estar na melhor versão de nós mesmos o tempo todo. Mas não tem que ser assim, é normal sentir altos e baixos ao longo do dia e da vida. Aprender a administrar as emoções é reconhecer que somos seres vulneráveis ​​e devemos deixar de lado os preconceitos. Normalizar nossos sentimentos e emoções nos ajudará a reconhecê-los e identificá-los.

    4-. Identifique-se para controlar as emoções

    A base do gerenciamento das emoções é a identificação delas. Quando nos sentimos desorientados, surgem emoções de medo, tristeza ou transbordamento. Não se culpe nem se envergonhe, é normal se sentir assim. Aprender a identificar essas emoções e aceitá-las o ajudará a não retê-las e acumulá-las. Existe uma ampla classificação de emoções, mas se você quiser começar com as mais básicas, alegria, medo, tristeza e raiva são os básicos.

    5-. Fluxo e queda

    Nesse trabalho interno de gerenciamento emocional, é importante aprender a deixar ir. Ao identificar uma emoção que o deixa desconfortável, não se apegue a ela. Muitas vezes fazemos o contrário, mas você deve rotular essa emoção e deixá-la ir, como se fosse uma nuvem de fumaça que se dissolve. Se tiver dificuldade em se livrar deles, não hesite em pedir a ajuda de um profissional para orientá-lo melhor.

    6-. Ouça o seu corpo

    Tudo o que sentimos emocionalmente o corpo reflete de uma forma ou de outra. Se você tem ansiedade ou estresse, observe quantas vezes sua mandíbula aperta instantaneamente. Ou se você está preocupado, o estômago se ressente. Embora cada pessoa experimente de forma diferente, o corpo sempre envia sinais. Então você sabe, observe-se e ouça-se.

    7-. Não negue suas emoções

    Negar emoções não é uma boa ideia. Embora muitas pessoas escondam o que sentem e derem as costas ao seu humor, isso nem sempre é o melhor. Encontre alguém que possa entendê-lo ou, se preferir manter isso para você, tente refletir esses sentimentos e emoções em um diário pessoal. Escreva a cada dia o que você sente e por que acha que sente. Assim, aos poucos você se abrirá para a ideia de administrar emoções e aprenderá sobre si mesmo.

    8-. Encontre maneiras de relaxar

    Praticar ioga, respiração consciente, atenção plena ou meditação são ferramentas que podem ajudá-lo a controlar as emoções. Pratique-os regularmente ou siga uma sessão de meditação guiada antes de ir para a cama. Todas essas ferramentas relacionadas ao relaxamento e ao autoconhecimento permitirão que você gerencie suas emoções de forma proveitosa.

    ¡Celebra la Black Week con nosotros! Te regalamos 60$ para tu matrícula. CUPÓN: BLACK60

    X